A águia e a vaca ruiva.

O assunto mais discutidos recentemente na mídia alternativo envolveu declarações polemicas em referência ao nazismo com alguns influencers de grande alcance nas redes sociais defendendo como liberdade de expressão a apologia ao nazista, sendo que em alguns países é considerado crime e em outros não, o mais importante desse debate vir a público nesse momento é que expõe a nossa conjuntura política atual no campo das ideias e costumes com a tal da liberdade total e irrestrita de opinião aproveitando-se de mídias digitais sem possibilidade de nenhuma censura ou controle.

Tendo o povo judeu sofrido perseguições por populações locais desde a antiguidade e até os dias atuais por motivos culturais, econômicos e religiosos, sendo que da era cristã o fator religioso se tornou talvez o motivo mais utilizado para justificar essa perseguição, por ocidentais, pelo estigma de que povo Judeu tenha contribuído para a morte de Nosso Senhor Jesus Cristo, símbolo máximo do Cristianismo.

O holocausto praticado pela Alemanha nazista à pretexto da purificação da raça ariana, por ter sido o mais documentado, testemunhado, e pela sua eficiente máquina de matar pessoas indefesas sem dó nem piedade atingindo uma cifra jamais vista em toda a história da humanidade com milhões de vidas barbaramente executadas, não só de judeus, mais sendo esses a sua esmagadora maioria, portanto foi essa perseguição de um povo que mais marcou na história e que solidários as vítimas devemos evitar ou censurar a tal da liberdade de expressão no que tange ao tema nazismo.



8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo